Profetadas e revelagens: O MAL ESTÁ SOLTO!!!

 A ação de homens e mulheres que dizem falar em nome de Deus é prova da falsa unção. Leninha Gonçalves, 31 a, da Assembleia de Deus Missões Vida, em Colégio, subúrbio do Rio, exemplo desse mal dos últimos dias. Em 2001, quando ela estava no nono mês da gestação de seu primeiro filho ela foi à reunião de oração na Assembleia de Deus, na Vila da Penha, que é muito conhecida como “rancho dos profetas”.

– Dentro de três dias, seu filho nascerá perfeito e saudável. No meio do culto, um homem conhecido como Danielzinho se levantou e profetizou.

Três dias depois Leninha realmente foi para o hospital para ganhar seu filho, a criança morreu poucas horas depois do nascimento. Decepção sem precedentes.

– Saí do hospital com um travesseiro debaixo do braço e, depois disso, nunca mais acreditei em profeta. Para mim agora, Deus fala apenas através da Bíblia, diz com amargura.

  A falsa profecia esmaga, fere e mata como fruto da falsa unção geradora da morte. Fruto podre! 

A falsa unção é concedida pela autoridade eclesiástica monárquica e pseudocarismática. Desde modo, a concessão dessa autoridade eclesial passa a ser a fonte geradora de profetadas e revelagens… e o mal circula no Corpo da Obra.

A iniquidade permanece.

Dos escaninhos da espiritualidade esquizofrênica e megalomaníaca nasceu a ideologia  Obra como forma de vida. Com esta expressão de loucura o gedeltismo ergueu a monarquia pseudocarismática que favoreceu a elite acobertada pela banda podre. O apoio de meias-solas feitos valetes da Obra Revelada (escrevi valetes) foi fundamental e fortaleceu a mentira do mestre-mor.

Enquanto o Diabo balança o rabo na boca de gente metida a inventar profecias, é de esperar o rio de profetadas e revelagens. Não se iludam: cada membro da elite icemista [ic(e)m+ista] confiou em profetadas e revelagens e mergulhou no poço de iniquidades. E o fedor sobe aos Céus. Eles estão sem limites mas donos de balcões de negócios aproveitam e enchem os bolsos.

Esta babilônia maranática não quer ser curada: a banda podre não deixa. O mal está solto.

Lamentavelmente, depois as massagens de ego como cortinas de fumaça a nuvem do não-pensar os encobre… até quanto? Enorme o registro de profetadas e revelagens que deram curso aos males que assaltaram a membresia nessa jornada que chega a quarenta e cinco anos.

Nesta Obra como forma de vida aparecem profetadas e revelagens de todo tipo:

– aquela senhora de frente que entrega profecia para desmanchar casamento;

– aquele meia-sola profetizando que o menino será curado… e ele morre;

– aquele meia-sola que profetiza para o empresário: – meu servo será próspero. Dias depois, com três tiros na cabeça este cidadão foi assassinado por ex-empregado; 

– aquela comissão de pastores do alto escalão da hierarquia maranatizada profetizou para o pastor: – larga o emprego federal para trabalhar na Obra e nada lhe faltará. E nunca lhe deram o prometido sustento…

Esses falsos profetas e maus pastores fizeram da Maranata um campo de enriquecimento fácil e ilícito à custa de ENGANAÇÃO, notadamente com profetadas e revelagens que correm como fogo em palha seca.

Este espaço está disponibilizado para registro daquele “dão” que NUNCA SE CUMPRIU. Em meio a mais de 8.500 (oito mil e quinhentas) postagens até esta data há uma centena desses episódios.

Eu DENUNCIEI. Quanto mais o Ministério Público investiga, mais aparece para investigar…

O que aconteceu com as profetadas e revelagens nos cultos das ovelhas, nos cultos proféticos, nos seminários da Obra etc? Nunca se cumpriram. O rabo do Diabo está metido nisto.

Profetadas e revelagens geram os piores transtornos.

Relatem os fatos.

NOTA

Aqui não é lugar para calúnias e difamações. Discutimos doutrinas e ideias.

Caso copie, mencione http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/04/profetadas-e-revelagens-o-mal-esta-solto/

Em nome da ética democrática, que a data original e origem da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

Este espaço está disponibilizado para registro daquele “dão” que NUNCA SE CUMPRIU. Em meio a mais de 8.500 (oito mil e quinhentas) postagens há uma centena desses episódios. Relatem os fatos.

Evitem postagens fora do FOCO do artigo.

Por ser deselegante evitem CAIXA ALTA (letras maiúsculas) nas postagens.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

109 Respostas para “Profetadas e revelagens: O MAL ESTÁ SOLTO!!!”

  1. Firme nas promessas disse:

    “O que aconteceu com as profetadas e revelagens nos cultos das ovelhas, nos cultos proféticos, nos seminários da Obra etc? Nunca se cumpriram. Profetadas e revelagens geram os piores transtornos”.

    Alguns anos atrás, durante uma das reuniões de senhoras, uma irmã profeta assídua, contou que teve a seguinte visão:

    – Havia um pão cheio de bolor sobre o púlpito para ser distribuído para todas.

    Este tipo de visão era o que esta irmã sempre tinha, mas nunca era levado a sério porque a consideravam problemática.
    Essa irmã saiu da icm recentemente e me confidenciou que não quer saber mais de igreja use os dons como medidor de fé.

    Deus já estava mostrando, há tempos, o que esta maranata é realmente; e nós, cegos e ignorantes, não percebíamos e muitos dos que lá permanecem não percebem, ou não querem perceber.

    A Palavra diz que a profecia deve ser julgada pela igreja, mas na maranata acontece o contrário: a pessoa que tem o dom que é julgada. Por diversas vezes quando era apresentado algum dom que poderia complicar a vida de alguém “do poder” diziam:

    – Também, olha só quem teve o dom! Esta pessoa desacertada!

    Esta semana li na página do face uma pessoa na maior felicidade se preparando para ir para o Maanaim trabalhar e que iria participar de uma ceia lá. Pessoa esta que, quando trabalhamos juntas lá era pisada pelas loiras que cuidam dos arranjos e chorava sempre por causa disso. Passava tempos sem ir e só era chamada quando algum titular da turma não podia.

    E por falar das loiras do Maanaim (todos sabem quem são elas), brigam pelo posto. Mesmo doentes não faltam aos seminários. Agora sei porque. As irmãs realizam o serviço pesado e elas recebem o salário. Ingênua eu, sempre pensei serem todos voluntários.
    .
    .
    De fato, a doutrina dos apóstolos de Cristo manda: “E falem dois ou três profetas, e os outros julguem.” (cf. 1 Co. 14.29); mas diante das falácias dos falsos dons nos cultos proféticos e nos seminários da Obra, o dono da empresa e mestre-profeta com o olhar caolho inventou duas novidades que chamou de mistérios da Obra:

    1. aperfeiçoamento dos dons; e

    2. ministério acima dos dons.

    Então, ele impôs o jugo e tudo passou a ser no modelo Obra como forma de vida.

    Onde não mais se faz distinção entre o sagrado e o profano, e a falsa unção confunde, destrói vidas e perturba, Deus continua à procura de alguém que tape as brechas do muro. Isso não se parece com a nossa situação atual? Mas Deus quer contar com alguém que faça a diferença e seja luz no meio das trevas.

    Quanto erro!!! O que mais existe nessa denominação eclesiástica é erro. O gedeltismo continua andando ao redor dos erros. O mestre-profeta pretendeu que as unidades locais fossem guiadas por dons espirituais e experiências de Obra – coisas impossíveis de convalidar a Escritura Sagrada – e mergulharam em um beco sem saída.

    Resta o que se espera do crente fiel ao que Deus disse do jeito que Ele disse: diante dos erros e falácias uma só pessoa pode fazer a diferença para Deus.

    Você está disponível?

    CV.

  2. Zoelia Ferraz disse:

    Boa noite CV,

    Em meio a tantos acontecimentos na instituição Maranata fico me questionando em relação aos dons espirituais. Onde estavam os profetas ??? Ninguém profetizou o que estava ocorrendo de errado na administração da igreja ??
    E ai ?? Como fica ?? Deus os abandonou e deixou chegar ao beco sem saída ?? Creio que não, o Senhor jamais faria isso, eu sei em quem tenho crido e dependo desse amor.
    Soube que ocorria vários falsos dons, inclusive o de línguas, várias pessoas me falaram que em muitas ocasiões era teatro (eu custo a acreditar em tamanha blasfêmia); em contrapartida, o Senhor falou particularmente comigo através desse dom, coisas que jamais um simples mortal teria como saber, coisas pessoais da minha vida.

    Durante seu tempo na igreja o Senhor falou particularmente com vc ?? Eu tenho vários questionamentos e conflitos em relação aos dons, deixo aqui uma passagem que me fez refletir do livro de Jeremias capítulo 23

    1Ai dos pastores que destroem e dispersam as ovelhas do meu pasto, diz o SENHOR.

    2Portanto assim diz o Senhor Deus de Israel, contra os pastores que apascentam o meu povo: Vós dispersastes as minhas ovelhas, e as afugentastes, e não as visitas-tes; eis que visitarei sobre vós a maldade das vossas ações, diz o Senhor.

    3E eu mesmo recolherei o restante das minhas ovelhas, de todas as terras para onde as tiver afugentado, e as farei voltar aos seus apriscos; e frutificarão, e se multiplicarão.

    4E levantarei sobre elas pastores que as apascentem, e nunca mais temerão, nem se assombrarão, e nem uma delas faltará, diz o Senhor.

    5Eis que vêm dias, diz o Senhor, em que levantarei a Davi um Renovo justo; e, sendo rei, reinará e agirá sabiamente, e praticará o juízo e a justiça na terra.

    6Nos seus dias Judá será salvo, e Israel habitará seguro; e este será o seu nome, com o qual Deus o chamará: O SENHOR JUSTIÇA NOSSA.

    7Portanto, eis que vêm dias, diz o Senhor, em que nunca mais dirão: Vive o Senhor, que fez subir os filhos de Israel da terra do Egito;

    8Mas: Vive o Senhor, que fez subir, e que trouxe a geração da casa de Israel da terra do norte, e de todas as terras para onde os tinha arrojado; e habitarão na sua terra.

    9Quanto aos profetas, já o meu coração está quebrantado dentro de mim; todos os meus ossos estremecem; sou como um homem embriagado, e como um homem vencido de vinho, por causa do Senhor, e por causa das suas santas palavras.

    10Porque a terra está cheia de adúlteros, e a terra chora por causa da maldição; os pastos do deserto se secam; porque a sua carreira é má, e a sua força não é reta.

    11Porque tanto o profeta, como o sacerdote, estão contaminados; até na minha casa achei a sua maldade, diz o Senhor.

    12Portanto o seu caminho lhes será como lugares escorregadios na escuridão; serão empurrados, e cairão nele; porque trarei sobre eles mal, no ano da sua visitação, diz o Senhor.

    13Nos profetas de Samaria bem vi loucura; profetizavam da parte de Baal, e faziam errar o meu povo Israel.

    14Mas nos profetas de Jerusalém vejo uma coisa horrenda: cometem adultérios, e andam com falsidade, e fortalecem as mãos dos malfeitores, para que não se convertam da sua maldade; eles têm-se tornado para mim como Sodoma, e os seus moradores como Gomorra.

    15Portanto assim diz o Senhor dos Exércitos acerca dos profetas: Eis que lhes darei a comer losna, e lhes farei beber águas de fel; porque dos profetas de Jerusalém saiu a contaminação sobre toda a terra.

    16Assim diz o Senhor dos Exércitos: Não deis ouvidos às palavras dos profetas, que entre vós profetizam; fazem-vos desvanecer; falam da visão do seu coração, não da boca do Senhor.

    17Dizem continuamente aos que me desprezam: O Senhor disse: Paz tereis; e a qualquer que anda segundo a dureza do seu coração, dizem: Não virá mal sobre vós.

    18Porque, quem esteve no conselho do Senhor, e viu, e ouviu a sua palavra? Quem esteve atento à sua palavra, e ouviu?

    19Eis que saiu com indignação a tempestade do Senhor; e uma tempestade penosa cairá cruelmente sobre a cabeça dos ímpios.

    20Não se desviará a ira do Senhor, até que execute e cumpra os desígnios do seu coração; nos últimos dias entendereis isso claramente.

    21Não mandei esses profetas, contudo eles foram correndo; não lhes falei, contudo eles profetizaram.

    22Mas, se estivessem estado no meu conselho, então teriam feito o meu povo ouvir as minhas palavras, e o teriam feito voltar do seu mau caminho, e da maldade das suas ações.

    23Porventura sou eu Deus de perto, diz o Senhor, e não também Deus de longe?

    24Esconder-se-ia alguém em esconderijos, de modo que eu não o veja? diz o Senhor. Porventura não encho eu os céus e a terra? diz o Senhor.

    25Tenho ouvido o que dizem aqueles profetas, profetizando mentiras em meu nome, dizendo: Sonhei, sonhei.

    26Até quando sucederá isso no coração dos profetas que profetizam mentiras, e que só profetizam do engano do seu coração?

    27Os quais cuidam fazer com que o meu povo se esqueça do meu nome pelos seus sonhos que cada um conta ao seu próximo, assim como seus pais se esqueceram do meu nome por causa de Baal.

    28O profeta que tem um sonho conte o sonho; e aquele que tem a minha palavra, fale a minha palavra com verdade. Que tem a palha com o trigo? diz o Senhor.

    29Porventura a minha palavra não é como o fogo, diz o Senhor, e como um martelo que esmiúça a pedra?

    30Portanto, eis que eu sou contra os profetas, diz o Senhor, que furtam as minhas palavras, cada um ao seu próximo.

    31Eis que eu sou contra os profetas, diz o Senhor, que usam de sua própria linguagem, e dizem: Ele disse.

    32Eis que eu sou contra os que profetizam sonhos mentirosos, diz o Senhor, e os contam, e fazem errar o meu povo com as suas mentiras e com as suas leviandades; pois eu não os enviei, nem lhes dei ordem; e não trouxeram proveito algum a este povo, diz o Senhor.

    33Quando, pois, te perguntar este povo, ou qualquer profeta, ou sacerdote, dizendo: Qual é o peso do Senhor? Então lhe dirás: Este é o peso: Que vos deixarei, diz o Senhor.

    34E, quanto ao profeta, e ao sacerdote, e ao povo, que disser: Peso do Senhor, eu castigarei o tal homem e a sua casa.

    35Assim direis, cada um ao seu próximo, e cada um ao seu irmão: Que respondeu o Senhor? e que falou o Senhor?

    36Mas nunca mais vos lembrareis do peso do Senhor; porque a cada um lhe servirá de peso a sua própria palavra; pois torceis as palavras do Deus vivo, do Senhor dos Exércitos, o nosso Deus.

    37Assim dirás ao profeta: Que te respondeu o Senhor, e que falou o Senhor?

    38Mas, porque dizeis: Peso do Senhor; assim o diz o Senhor: Porque dizeis esta palavra: Peso do Senhor, havendo-vos ordenado, dizendo: Não direis: Peso do Senhor;

    39Por isso, eis que também eu me esquecerei totalmente de vós, e tirarei da minha presença, a vós e a cidade que vos dei a vós e a vossos pais;

    40E porei sobre vós perpétuo opróbrio, e eterna vergonha, que não será esquecida.

  3. Espelhos… disse:

    […] Com firme base nas Escrituras Sagradas e pelo esforço do Espírito de Cristo Jesus creio que podemos alcançar conhecimento pleno do “evangelho da graça de Deus… poder de Deus e sabedoria de Deus” (At. 20.24 cf. Co. 1.24) e NUNCA mais dependermos de autoridades eclesiásticas entupidas de falso profetismo e revelagens. O mal está solto. […]

  4. Doris Alencar disse:

    CV, que me desculpe, mas não aguento mais… Tô cheia dessa coisa horrorosa que fazem lá dentro. Falsos e pastor manipulando os membros. Que me permita postar o vídeo. Saí de lá antes que me enlouqueçam.
    ….
    Obra de valentes… línguas estranhas… muito estranhas…

    https://www.youtube.com/watch?v=7MWRFBA5mTE

    Enai sou dremiais sou dremirás ou seremieis
    sou dremirás sou dremiás e lá chué marás similá
    Olaié sirimieis sodremieis
    Ai dai ei seremiei sou lá si e na irai sou diái ei si dei iei
    A dê mi si olaiê deiô deiei seremici rolamaiei
    Daicei miriei ou si dei si neremiei sou de si
    Ou deei seremeci rolamaiei drei sou de si driei ou la rái serê miai
    Êei sou driei dai sou driai derei sou de si dei si dei ei sou deremiai
    Dêe sê iou si ai lai no rolomiei drê si dai si da si dei ei sou driai
    Deé dei si dou lá marái si dei si
    Eremi ai lai perê na sou rola maiei
    Meé si lá serei mi rái eiai serei mei si de si
    Olaiai ou dai se dei si ou ríei lá renai dou driai
    Ou driei dei siri miei sou sirimiai aiou driei ou lai si dei si
    Naiii sou derrai deiei siri mii dô lá si
    Ai nai i derrapai miai ei si dei si dou lá iei sirimiei
    Lai sou dei si ou ai ai dei rai siri riai lasi sou de si ou lá si

    ……..

    E o camarada manipula com profetada e arremata: glorificai o meu nome. O que é isto, CV?
    .
    .
    Doris Alencar

    Dá pena!

    Escutem: quando o cristão lê a Bíblia Deus espera que ele pense.

    Então, pensem:

    1. Como alguém pode imaginar que isso seja dom espiritual?
    2. Como alguém pode imaginar que essas frases apresentem características de linguagem de anjos?
    3. Quem fala é formatado idiotizado ou algum espírito de engano nele?

    Dois argumentos me ocorrem: a linguagem e o dom espiritual.

    Leio de alguém entendido que “A linguagem é a capacidade que possuímos de expressar nossos pensamentos, ideias, opiniões e sentimentos. A linguagem está relacionada a fenômenos comunicativos; onde há comunicação, há linguagem. Podemos usar inúmeros tipos de linguagens para estabelecermos atos de comunicação, tais como: sinais, símbolos, sons, gestos e regras com sinais convencionais (linguagem escrita e linguagem mímica, por exemplo). Num sentido mais genérico, a linguagem pode ser classificada como qualquer sistema de sinais que se valem os indivíduos para comunicar-se.”

    O falar em línguas (gr. glossolalia) na igreja, como dom espiritual deve ter como Fonte o Espírito de Cristo Jesus, caso em que a fala é celestial, comunicativa, inefável e naturalmente sobrenatural. No caso nada me convence disto, mesmo porque Deus não é de confusão. Se o falar em línguas, conforme a doutrina dos apóstolos, é de grande valor para o que ouve a Mensagem de Deus em seu próprio idioma, mas de nada serve para os demais, a não ser que haja uma interpretação, ou tradução; entendo que o fato ocorreu aqui mesmo neste País, em seminário da Obra – local de empulhação e formatação – e com o devido respeito aos que pensam em contrário, tal língua nada tem de linguagem celestial, foi invenção. Não houve interpretação nem tradução.

    Pastores da Maranata: abandonem esses falsos dons, peçam perdão aos membros e retornem ao “evangelho da graça de Deus”.

    Quando o cristão lê a Bíblia Deus espera que ele pense.

    Quem sabe ainda dá tempo?

    “O SENHOR é minha justiça.”

    CV.

  5. Pr.eduardo gil vasconcellos disse:

    CV e irmã Doris Alencar,

    A mentira sempre esteve presente na seita Maranata.

    O Senhor Deus através do Espirito Santo usaria Gedelti e membros da sua cúpula em dons espirituais? Pois como Deus usaria essa gente que dissemina ódio, heresias e persegue os que não aceitam essa mentira a que chamam de Obra, ou seja, a seita Maranata? Eles continuam pensando que podem enganar com falsos dons.

    Lembro-me da frase célebre de Abraham Lincoln:

    Você pode enganar algumas pessoas o tempo todo ou todas as pessoas durante algum tempo, mas você não pode enganar todas as pessoas o tempo todo.

    Gedelti e outros foram denunciados pelo MP-ES por apropriação indébita, estelionato e formação de quadrilha e aguardamos a decisão do Judiciário.

    Deus usaria?

    Saia logo deste hospício!
    .
    .
    A decadência da Maranata foi noticiada bem antes dos escândalos.

    A decadência da Maranata está denunciada. Esconder é impossível. http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/a-decadencia-da-maranata/

    Igrejas morrem. Que o diga o monte de carcaças escondidas no lixão (quem lê entenda).

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2010/05/a-noite-ja-chegou-para-os-icemistas/

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/a-morte-da-igreja/

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/quem-e-o-profeta-a-quem-deus-honra/

    “O SENHOR é minha justiça.”

    CV.

  6. Firme nas promessas disse:

    CV

    Eis o relato:

    meus servos o momento que viveis é de definição eu vos tenho convocado para uma obra de poder e de graça uma obra de operação do meu espírito mas em que se faz necessário vossa posição definida deixando de lado tudo aquilo que impede a operação do meu espírito tenho falado às vossas orações tenho visto as vossas lutas e as vossas dificuldades também estão patentes aos meus olhos mas eu concedo a minha graça vos cedo a libertação para que possais me servir em espírito e em verdade uma grande obra tenho ainda para realizar o momento é de preparo para aquele grande evento que aguardais que é a volta do meu filho e assim meus servos queridos buscai a minha face buscai o renovo para vossas vidas consertai os vossos caminhos acertai as vossas vidas na minha presença e eu estarei operando em vossos países em vossas cidades em vossas igrejas e começando das vossas casas pois quero alcançar familiares vossos vizinhos parentes para que estejam também participando dessa grande obra glorificai meu nome porque eu vos tenho convocado para uma grande batalha para uma grande obra e uma grande vitória está reservada para vós meus servos mas é preciso que vossa posição seja definida glorificai o meu nome porque eu vos tenho falado

    https://www.youtube.com/watch?v=7MWRFBA5mTE

    Obs.: Deixei de pontuar porque não consigo alcançar a coerência e a coesão textual.
    .
    .
    A falsa unção gera morte.

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/11/a-falsa-uncao-gera-morte/

    A falaciosa interpretação se serviu desse discurso:

    Enai sou dremiais sou dremirás ou seremieis
    sou dremirás sou dremiás e lá chué marás similá
    Olaié sirimieis sodremieis
    Ai dai ei seremiei sou lá si e na irai sou diái ei si dei iei
    A dê mi si olaiê deiô deiei seremici rolamaiei
    Daicei miriei ou si dei si neremiei sou de si
    Ou deei seremeci rolamaiei drei sou de si driei ou la rái serê miai
    Êei sou driei dai sou driai derei sou de si dei si dei ei sou deremiai
    Dêe sê iou si ai lai no rolomiei drê si dai si da si dei ei sou driai
    Deé dei si dou lá marái si dei si
    Eremi ai lai perê na sou rola maiei
    Meé si lá serei mi rái eiai serei mei si de si
    Olaiai ou dai se dei si ou ríei lá renai dou driai
    Ou driei dei siri miei sou sirimiai aiou driei ou lai si dei si
    Naiii sou derrai deiei siri mii dô lá si
    Ai nai i derrapai miai ei si dei si dou lá iei sirimiei
    Lai sou dei si ou ai ai dei rai siri riai lasi sou de si ou lá si

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/04/profetadas-e-revelagens-o-mal-esta-solto/#comment-16795

    Cada expressão de falsos dons aprofunda a CRISE em que a Maranata está atolada… e morrendo. Não há cura! Não existe saída! Quando escolhem o enterro de alguém para louvação, o que querem é tapar o sol com a peneira.

    Discurso esquizofrênico. É discurso esquizofrênico ao se afastar do Novo Testamento e enganar com a ideologia Obra como forma de vida erguida ao nível de mistério além da letra enquanto, ao mesmo tempo, dá lucro.

    Discurso de idas e vindas, démarches, falácias, intrigas, nutrindo a empulhação ideológica, como fogo em palha seca, com o propósito de fomentar o gedeltismo (ainda que cause o caos e destrua famílias inteiras).

    Espelha a falsa onisciência do profeta-mor, o olhar caolho do dominador do rebanho em todos os cantos dos domínios sectários em que a Instituição está mergulhada. O que se observa é a irrealidade nesse conjunto onde a sensação subjetiva tenta preservar o sistema.

    Essas doutrinas de homens foram oferecidas em cada seminário mas exalam o odor de comida fermentada e requentada ao entorpecente molho de OBRA! OBRA! OBRA!

    Falsos dons e grosserias distorcendo os fatos, escondendo as fraudes e faltoso com a imprescindível transparência, o mestre em espiritualização de frases das Escrituras, instigação do ódio religioso, jargões, meias verdades e mentiras fincou pé e desde cedo estabeleceu a monarquia pseudocarismática (que se confunde com o governo de oligarquia religiosa). Obsessivamente! Nós conhecemos e denunciamos os resultados.

    Inevitavelmente, Gedelti, Amadeu, Elson e Carlos Pimenta foram presos após desfile do dono da empresa, mestre-profeta e monarca religioso em 10.03.2013. Ele, como sempre, exibiu mero poder religioso e NÃO testemunhou a graça de Deus. Os frutos estão podres. Leiam

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/o-desfile-final/

    Loucura!

    Não é de admirar, pois, que frases e jargões introjetados na mente dos crentes congregados na Maranata impedem o ato de agir biblicamente com liberdade.

    Os formatados icemistas [ic(e)m+istas – designando membros da ICM-PES] – especialmente os levantados pastores – estão ideologicamente impedidos de pensar os pensamentos de Deus… e acham que pensam.

    Pelo contrário, eles expressam o maranatês (criei esta palavra) como espiritualidade (conduta religiosa) e fruto da ideologia Obra como forma de vida; e não mais conseguem agir, crer, ensinar, falar, pensar e pastorear de outro modo.

    Porquanto está escrito (1 Ts. 4.8):

    “Destarte, quem rejeita estas coisas, não rejeita o homem,
    e sim a Deus, que também vos dá o seu Espírito Santo.”

    Querem que o povo esqueça a dureza do maranatismo, a imposição da hierarquia maranatizada, as cópias, repetecos e requentadas, as denúncias de crimes (em tese) envolvendo pastores (ditos valentes da Obra), a gastança com honorários de advogados (em milhões de reais), as enganadoras mensagens reveladas, as duas ordens judiciais de prisões de pastores, o desastre do desfile final, os desvios de fortunas para o Leste Europeu, os disfarces do poder camaleônico e os erros do Conselho Presbiteral (imposição do mestre-profeta).

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/quem-e-o-profeta-a-quem-deus-honra/

    Venha o Juízo!

    “O SENHOR é minha justiça.”

    CV.

    Continuarei…

  7. Marcela Rios disse:

    Bom dia CV.

    Dias desses estava conversando com amigos e nos lembramos do encontro em Brasília com aquela mensagem “Eu te amo Jesus” o Pr. Fonseca. E ainda me espanta aquela crise de ciúmes de Gedelti ao explodir de raiva contra esse pastor. Hoje, em um grupo do Facebook, toquei no assunto mas ainda não consegui localizar conteúdo no Blog. Ajude-nos.
    .
    .
    Olá, Marcela Rios.

    10:20

    Graça e paz.

    Aqui alguns desses conteúdos.

    Encontrando outros os acrescentarei.

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/comment-page-8/#comment-7039

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/07/conhecendo-a-maranata-por-dentro/comment-page-1/#comment-11078

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/11/a-babilonia-prostituida/comment-page-2/#comment-12498

    Maquiar a imagem de Gedelti e a imagem da Maranata é absolutamente impossível.

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/missao-impossivel-maquiar-a-imagem-da-maranata/

    O profeta-mor dos maranatólatras construiu heresias e não mais consegue curar a incredulidade em que mergulhou a membresia.

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/09/a-obra-construindo-heresias/

    Paz.

    “O SENHOR é minha justiça.”

    CV

  8. Cavaleiro Veloz disse:

    Amado irmão Cavaleiro Veloz.

    Tenho acompanhado o seu trabalho no Senhor, há alguns anos, não de forma sistemática, mas à medida em que os seus posts são comentados no Orkut, que é o único lugar que entro para saber da saúde espiritual dos irmãos da Maranata, a quem nunca deixei de amar.

    Devido ao estado de saúde precário que me encontro desde uma cirurgia mal sucedida e de suas sequelas terríveis há mais de seis anos, bem como ao tratamento medicamentoso muito forte, muitas vezes fazendo uso de opióides, minha atividade física e intelectual ficou muito restringida, a primeira por causa das dores e a última por causa do efeito que os remédios causam no ânimo e na mente. O que bloqueia ou arrefece a dor, bloqueia ou arrefece a atividade cerebral, também, e me é muito pesado acompanhar o frenesi dos que estão espoliando essa igreja que eu tanto amo. Quanto mais comentar, ou procurar contatos.

    Cheguei a desvincular-me do Facebook, pois não estava conseguindo mais responder adequadamente a tantos que me contatavam. Porém fiquei ali no Orkut, pregando o Evangelho diretamente na página da “Igreja Cristã Maranata” e do “Já Fui um Maranata” e tentando lançar bálsamo nos corações daqueles irmãos.

    À medida que o tempo foi passando fui percebendo o peso das suas publicações e a sua coragem de ir dando “nome aos bois”, muitas vezes nomes engraçados como “a rainha desfigurada” que, embora soe muito mal aos ouvidos dos irmãos sérios e/ou ingênuos lá dentro, tais caricaturas vão servindo de antítipo para que os lá de dentro associem os desvios do Evangelho a essas deformações grotescas.

    Um dia alguém começará a dizer BASTA!!!, se já não começou.

    Quando entendi que era você que às vezes comentava algum post meu, e isso foi somente agora (perceba o grau de alienação que os remédios me impõem), me senti muito honrado, pois de todos nós que não aceitamos o agravo recebido e fomos para o deserto para dali tocar o shofar em direção a Jerusalém, você foi quem mais tenazmente não permitiu que a mentira prevalecesse contra a verdade, para o bem da Igreja Cristã Maranata e seus membros, embora lá dentro os irmãos não consigam enxergar assim, pois é necessário crescer para ver através de uma janela, ou amadurecer para estar apto a abrir a porta de uma casa sem precisar pedir permissão aos pais.

    Estou voltando para Brasília começar um novo tratamento e estou muito crédulo que dessa vez eu vá melhorar, mesmo.

    Assim que recuperar a condição de viajar vou dar uma volta pelo Sudeste. Gostaria de te conhecer pessoalmente.

    Deus te abençoe muito, continue fortalecendo o seu coração, te dê saúde e muitos amigos.

    Seu irmão em Cristo que te admira muito,

    Fonseca
    Enviado em 06/07/2013 as 13:50
    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/04/a-iniquidade-permanece/comment-page-3/#comment-10139
    .
    .
    Amado Fonseca

    A Comunidade Já Fui Um Maranata me ensinou muitas coisas boas e nela o encontrei, há uns 7 anos, com as lições lançadas, quais sementes esperançosas de frutos de boa qualidade e na quantidade da semeadura: e vingaram. Como o espaço de postagens era apertado e me impedia desenvolver o Ministério, mesmo assim permaneci até o nascimento oo Blog do CV há pouco mais de três anos e meio.

    Ao nos informar, ali, de sua enfermidade, nos unimos em oração pelo restabelecimento de sua saúde; e ao acessar a J FUM, diariamente, o leio em especial, acolhendo em meu coração as boas palavras que saem do seu coração de pastor para quem tem ouvidos para ouvir…

    Como deixei em mais de 200 artigos no Blog, e falei em grande parte de mais de 9.500 postagens publicadas, estamos em um momento de grande sofrimento para os amados irmãos da Maranata, manipulados e presos em um gedeltismo ingrato, peçonhento e pseudocarismático.

    Deste modo, se alguém ainda não havia entendido a figura bíblica do “anticristo”, começa a compreender o que acontece nesta denominação: o gedeltismo está assentado em autodefesa, avareza desmedida, dissimulação e falso profetismo. Prova de que a falsa unção desconstrói famílias, despedaça a esperança e desestimula a fé salvífica. E mata!

    Enquanto o gedeltismo continua caminho escorregadio, casa mal-assombrada, estelionato religioso, escola de anticristos, estrada tortuosa, fábrica de notas fiscais frias, nuvem do não-pensar, pandulho de meias-solas, pedra de tropeço para os crentes e poço de iniquidades; o Blog é Ministério alcançando milhares de milhares como fonte de amparo, consolo, esperança, exortação, fortalecimento, informação e orientação.

    O Ministério ampliou-se e dispomos de um conjunto de blogs e de páginas no Facebook. O esforço é grande em despertar a necessidade de retorno ao amor de Deus Pai, conforme exigido nas Escrituras e ao que Deus disse, do jeito que Ele disse. Digo Ministério por ser expressão de amor aos desamparados que lá estão, bem como os odiados e perseguidos retirantes; pois é assim que podemos sofrer as dores, como que de parto, esperando que todos venham ao arrependimento.

    Porquanto foram muitos os apelos no sentido de que os maus pastores da Maranata abandonassem as práticas delituosas e se arrependessem das iniquidades que carregam sobre si mesmos; mas não quiseram ouvir quem os avisava; o poço de iniquidades começou a ser aberto; e, para nossa tristeza, aqueles que a si mesmo reputavam como “valentes da Obra”, estão sob custódia do Estado. E outros os seguirão…

    Tristeza!!!

    Resta lembrar que foram batidas fortes, como quem ressoa em um tambor, sem cessar, noite e dia e sem descanso – este Blog não dorme -; apelando no sentido de um despertar da consciência cristã com vistas à espiritualidade fortalecida na “fé em Jesus” e não em fermento de fariseus maranáticos.

    Somos hóspedes em Querite.

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2010/09/em-querite-nao-existem-atalhos/

    “O SENHOR é minha justiça.”

    CV.

    NOTA: republicado a pedidos.

    Não sei onde arrancar outro pedaço da alma para descrever a dor, a tristeza e a vergonha em ver o que aconteceu a esta igreja.

  9. Maria Eduarda Peixoto disse:

    Olá CV

    Esta postagem, enviada por uma amiga in box no face, pareceu-me interessante publicar aqui no Blog.

    ………

    Sandra Reis Almeida se sentindo agradecida
    Tão falando que o povo da MARANATA sofrem lavagem cerebral. prefiro sofrer lavagem cerebral , e me preparar pra volta de JESUS, pois tem gente tão preocupada em achar defeito na igreja dos outros que estão esquecendo de buscar sua própria salvação. MARANATA, MARANATA, o SENHOR VEM. a todos um ótimo dia na paz do SENHOR.
    23 min · Amigos
    Denunciar Curtir Comentar Compartilhar
    13 pessoas curtiram isso.
    Gleivison Fernandes Icm
    AMEM
    Curtir · 1 · Denunciar · há 22 minutos
    Elda Souza
    palavras verdadeiras!
    Curtir · 1 · Denunciar · há 19 minutos
    Scheila Rodrigues
    Vem vem vem Jesus
    Curtir · 1 · Denunciar · há 18 minutos
    Lena Santos
    Amem buscar o senhor enquanto se pode achar invocai enquanto esta perto aleluias

    ………..
    .
    .
    Maria Eduarda Peixoto,

    A droga Obra como forma de vida é causa de declarações desse teor. Droga estranha ao conceito doutrinário de “fé em Jesus”, segundo o Novo Testamento, mas aceita e cuidadosamente cultivada nesse arraial dos maranatólatras induzindo comportamentos inconsistentes com o criterioso ensino da Palavra de Deus. Droga estupefaciente.

    A postagem inicia com duas matérias opostas totalmente: lavagem cerebral e vinda de Jesus; mas a droga cresceu na massa qual fermento produzindo o pão bolorento servido com uvas de veneno. Em decorrência, os icemistas falam de buscar a salvação dentro do conceito gedeltista de projeto de salvação; e insistem na paixão pela Obra e irrestrita obediência aos meios de graça, almejando a entrada na eternidade.

    Apostasia caracterizada!!!

    Como cresceram nessa desesperança nada de certeza e firmeza. Doentes dependentes das doses de droga em forma de profetadas e revelagens no grupo de intercessão no culto profético e especialmente nos seminários da Obra onde atuam os emissários do palácio da rainha desfigurada temidos como ungidusdusinhô.

    De tal forma essa droga intoxica, que provoca falas e hábitos inconsequentes (sem sequência lógica), deixando o formatado fora da realidade. Fundo do poço! Incapaz de esconder o confuso imbróglio em que está mergulhado, onde o egrégoro OBRA lateja em sua mente, dia e noite. Narcose!

    https://obramaranatarevelada.wordpress.com/2014/10/14/obra-maranata-os-membros-passaram-a-viver-gravitando-em-funcao-dos-caprichos-e-melindres-desse-egregoro-obra/

    Falar de lavagem cerebral é falar de forma de coação inimaginável pretendendo completa mudança no pensamento do indivíduo por persuasão. Chega à privação do sono e outros métodos de tortura psicológica. Absolutamente ao contrário, o tema vinda de Jesus é esperança, fé, graça e liberdade em Cristo. Plano muito bem traçado e em curso escatológico e soteriológico formando a “igreja de Deus…corpo de Cristo”, assunto bem explanado nas Escrituras; mas Sandra mistura os temas e, quanto à vinda de Jesus ela crê na heresia da quarta trombeta de autoria do mestre-profeta.

    Importa dizer, que, enquanto preso às heresias e mitos NINGUÉM adquire CERTEZA de estar preparado para a vinda de Jesus. Fala por falar…

    Lamentavelmente, o santo e o profano se misturaram nessa ideologia manipuladora e sectária, de tal maneira, que é dificílimo e até impossível separá-los. Pelo embolado inicial facilmente se observa a formatação imposta pelo gedeltismo e o que a heresia fez na mente de Sandra Reis Almeida (talvez professora de crianças e/ou adolescente, senhora de frente etc.). Ela aparece no Facebook e diz: se sentido agradecida. E os amigos (adicionados) a louvam. Estão formatados, no mesmo barco e o barco está à deriva.

    Não duvide da imagem atual da Obra, impossível de ser maquiada.

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/a-obra/

    http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/missao-impossivel-maquiar-a-imagem-da-maranata/

    Neste contexto de grandiloquentes heresias o grito MARANATA! MARANATA! MARANATA! é nada mais do que jargão; mas condenam-se por não discernirem as Escrituras, nem o poder e sabedoria de Deus.

    O resultado de dedicar-se às crenças estapafúrdias fundadas em mitos, profetadas e revelagens se mostram em desestruturação familiar, desgaste e desequilíbrio emocional, doenças crônicas, incredulidade e núcleos familiares conflituosos.

    Respeito a pessoa de Sandra mas não posso me calar diante do ERRO.

    Sandra, acesse, leia e pense

    https://www.facebook.com/CavaleiroVeloz

    “O SENHOR é minha justiça.”

    CV

Deixe o seu comentário

Resolva a seguinte pergunta para envio * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.