A Promessa Central da Nova Aliança

“A única solução para esta situação destruidora é o trabalho regenerador de Deus (2 Co. 5.17). Por isso é que Jesus disse a Nicodemos: ‘Necessário vos é nascer de novo” (Jo. 3.7). “…se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus” (v. 3).

É disso que se trata a salvação: Deus muda milagrosamente a natureza dos que são redimidos por Ele, atraindo-os para a retidão que eles anteriormente odiavam.

Leia mais »

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
4 comentários em A Promessa Central da Nova Aliança
 
A Linguagem do não-pensamento
 
“Todo aquele que ultrapassa a doutrina de Cristo e nela não permanece não tem Deus; o que permanece na doutrina, esse tem tanto o Pai como o Filho.”
(2 Jo. 1.9)  

A ilusão funciona. E como!

A linguagem é uma das formas do pensamento. Ela comunica a alma, aquilo de dentro. Erudita, familiar, infantil, jurídica, política, religiosa etc., ela comunica desejos, emoções, expressões, ideias de grupos ou de pessoas.

A linguagem possui o seu palavreado próprio, ou seja, o seu vocabulário. E, se a linguagem é expressão do pensamento, quando os líderes religiosos fogem das Escrituras Sagradas, não mais conseguem coerência alguma com a maravilhosa Revelação Proposicional. Andam ao redor dos erros, em círculos, elaboram falácias, incoerências e filosofias vãs.

Leia mais »

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
114 comentários em A Linguagem do não-pensamento
 
Jerusalém: “a Lareira de Deus”

 

Ainda faz sentido dizer que Jerusalém é “a Lareira de Deus” ?

Ou, com outras palavras: Que vida espiritual existe na Jerusalém de hoje que sirva de amparo para os filhos de Israel que para lá retornam ou de luz para as nações?

Leia mais »

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
2 comentários em Jerusalém: “a Lareira de Deus”
 
Eis aí uma falácia a ser corrigida

A palavra denominação se nos apresenta como entidade invisível à qual não se pode contrariar.

Então, da parte dos conservantistas é comum a frase: “a denominação não quer isto”. Por parte dos reformistas ouve-se: “precisamos mudar a denominação”.

Leia mais »

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS
4 comentários em Eis aí uma falácia a ser corrigida