A incredulidade é pecado

Aos que estão abrindo os olhos e rompendo com o sistema apóstata, manipulador e ocultista enraizado na denominação eclesiástica denominada Igreja Cristã Maranata.

Abro esta postagem com o ensino de T. L. Osborn em Curai Enfermos e Expulsai Demônios, Graça Editora.

“Temos de encarar a verdade: incredulidade é pecado. É condenada pelo Senhor, é pior do que a obscenidade.

A incredulidade é uma guerra contra a própria lei da existência. É uma lealdade tirânica adquirida pelo conhecimento dos sentidos e uma deslealdade para com a Palavra de Deus.

Um verdadeiro pastor encoraja seus novos convertidos a ficarem firmes na fé, mesmo quando eles passarem pela fornalha da tentação.

Admoesta-os a resistir e a não ceder às artimanhas do inimigo.

A pessoa curada deve ser ensinada que o plano de Deus é eliminar a doença do meio do seu povo (Êx. 23:25) e a vontade de Deus para ela é que vá bem em todas as coisas e que tenha saúde, assim como bem vai a tua alma (3 Jo.2). Esta é a promessa que será cumprida na vida de todos os que crerem de fato.” Nota: Se alguém disser que este livro está cheio de heresias (encontrei essa frase no Facebook) nem se dê ao trabalho de discutir porque essa pessoa não conseguirá demonstrar: falácias não se sustentam.

Este Blog-Ministério caminha para o sexto ano consecutivo de esforço para denunciar a apostasia comunitária, crimes (em tese), erros doutrinários, fraudes, mitos, profetadas e revelagens; apelando, insistentemente, para o abandono das heresias do gedeltismo, arrependimento de mitos e obras mortas e o imediato retorno às Escrituras Sagradas como o caminho certo para o fortalecimento da “fé em Jesus” e o testemunho a favor de Cristo.

Felizmente, as máscaras estão caindo e milhares começaram a compreender que a ideologia Obra como forma de vida, de inspiração manifestamente ocultista, encurralou a membresia da Maranata em um beco sem saída.

O poço de iniquidades jamais vistas nas igrejas no Estado do Espírito Santo está sendo aberto e homens sinceros e mulheres honestas estão partindo em retirada, cientes de que muita coisa está errada nesta igreja.

Os anticristos dominaram esta denominação eclesiástica e não arredam o pé de interesses inconfessáveis que lhes rendem lucros e nebulosas participações. O que está denunciado desde o início milhares entenderam.

Por conseguinte, levando-se em conta que o chefe deles nada tem de ingênuo e NUNCA se arrepende dos erros e iniquidades, os fatos demonstram que a iniquidade permanece.

Retirantes escutem:

1. A ideologia Obra como forma de vida conduziu a Maranata à APOSTASIA COMUNITÁRIA. Esta apostasia é bem específica e se insere na apostasia profetizada que está no mundo levando multidões à obediência aos planos do “deus deste século” (2 Co.4.4).

2. Afastem-se dos erros desses falsos profetas e maus pastores (manipulados pelo mestre-profeta) e mergulhem nas Escrituras e na oração particular.

3. Afastem-se dos erros daqueles que não mais frequentam as unidades locais da Instituição mas ainda carregam o fermento do gedeltismo – ideologia Obra como forma de vida. (E cabe a pergunta: esta expressão gedeltiana foi inspirada nos ensinos e escárnios Jim Jones, mentor do suicídio em massa dos membros da Igreja do Povo, em 18 de novembro de 1978 ?)

4. Além do mais, encareço a atenção às lições do livro citado. Vocês nem imaginam o que Deus pode realizar através de alguém que abandone a heresia gedeltiana e se disponha a exercer “fé em Jesus”.

Reporto-me a alguns de dezenas de testemunhos

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/12/muro-de-lamentacoes-e-protestos/comment-page-5/#comment-8902

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/04/profetadas-e-revelagens-o-mal-esta-solto/comment-page-1/#comment-10282

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/03/testemunhos-dos-libertos-da-gaiola/comment-page-1/#comment-11176

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/07/conhecendo-a-maranata-por-dentro/comment-page-3/#comment-11147

“Mas, com o passar do tempo, aliado ao estudo das Escrituras Sagradas, encontros com outros retirantes, visitas a outras denominações, pesquisas sobre doutrinas bíblicas, alguns que buscaram tratamentos junto a profissionais de psiquiatria e/ou psicologia, leitura de livros, como “Curai Enfermos e Expulsai Demônios”, os retirantes vão se curando, podendo gozar da liberdade que encontraram em Cristo, e isso é digno de comemoração. (…) Viva a abolição da escravatura, datada de 13 de maio de 1888, mas viva também a abolição da escravidão maranática nas nossas vidas! Louvado Seja Deus, por ter nos alcançado com essa graça! Paz e Graça, Alandati.”

“O SENHOR é minha bandeira.”

CV

NOTAS

Acompanhe em

https://www.facebook.com/CavaleiroVeloz?fref=ts
https://www.facebook.com/velozcavaleiro?fref=ts
https://www.facebook.com/groups/retirante/?fref=ts

Aqui não é lugar para calúnias e difamações. Discutimos doutrinas, heresias e ideias à luz das Doutrinas Fundamentais como um dos capítulos da Teologia.

Cite a fonte deste artigo http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/a-incredulidade-e-pecado/

Em nome da ética democrática, que a data original e origem da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

Escrever em CAIXA ALTA (letras maiúsculas) é deselegante. Evitem.

Evitem postagens fora do FOCO do artigo.

Imagens colocadas no artigo como ilustração fora retiradas da Internet (Google) e também dos textos aqui postados, presumindo serem de domínio público. No caso que haja alguma imagem sem os créditos devidos não foi intencional; e, deste modo agradeceria em nos avisar que colocaremos os créditos.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS