Assim aconteceu comigo…

 

A história se repete.
Assim aconteceu comigo.
Por um bom tempo

Achei que o erro estava em mim

E continuava sentindo culpa.

Se faltasse à madrugada, culpa.
Se não tivesse dons para o culto, culpa.
Se não fosse ao meio-dia, culpa.

Se não fizesse jejum ate meio dia, culpa.

Se faltasse a uma escola dominical, culpa.

Sempre assim: Culpa, culpa, culpa…

Da mesma forma,

A mesma pessoa chegava com seus sonhos para o culto e outra com seus dons.

Como você disse, estavam “on line” com o Senhor Jesus.

Cansada de tudo,

Sempre comentava sobre isso com meu marido que sempre concordava comigo.

 

E assim foi por alguns anos até chegar o momento de ler os artigos do blog,

conferir com as Escrituras, orar e decididamente romper com o sistema – sair do ninho sujo…

 

Que nojo!

 

Me desliguei da ICM de vez.

Pronto! Resolvi que não iria mais. E assim foi…

 

Assim, quero lhe falar que seja muito bem vindo ao BLOG, você e sua esposa.

Aqui nos tornamos uma igreja mesmo, o BLOG para nós é um Ministério.

Faço questão de repetir isso sempre para os irmãos, pois desde que chegamos aqui sempre fomos abençoados com palavras de ânimo, conforto, esperança, fortalecimento e graça.

 

Fomos cuidados por este pastor que, mesmo ESCONDIDO, cuida de uma maneira especial de cada um dos que chegaram aqui: feridos, fracos, abatidos – e são muitos – e foram renovados pela Graça de Jesus.

 

Entendo este “esconder”, pois até Jesus escolheu esconder-se (em certas ocasiões). Elias ficou escondido em Querite, Moisés em Midiã, Davi mudando de cova em cova, Paulo nas regiões de Damasco… e tantos outros…

 

Quantos ficaram escondidos, errantes pela terra, necessitados, afligidos, maltratados, suportando as provas de açoites, calúnias, desprezo (até de familiares) errantes pelas covas de deserto, vestidos de peles de ovelhas…. mas obtiveram bom testemunho. E neste SITE o que vemos? Consistência nas denúncias, coragem para apontar os erros e heresias e insistir que fomos traídos. Os Judas estão ai…

 

Há aqueles que zombam do Blog, jogam pedras no CV e nos que se dispõem a escrever e auxiliar nesse ministério de conforto, mas não importa. Aprendemos a perdoar os que nos ofendem. (Quantas vezes eu li o CV falando assim para algum que o ofendeu: Declaro o perdão!) É que depois que saímos do ninho sujo estamos descobrindo o EVANGELHO DE DEUS… exatamente agora por estarmos LIVRES DE UM JUGO PESADO que constava de obrigações e CULPAS… CULPAS…. CULPAS (enquanto o dono do rebanho construía as cortinas de fumaça); e hoje temos liberdade para servir ao Senhor da maneira como que Ele quer.

 

O CV começou sozinho, denunciando, insistindo em apontar erros, fraudes e heresias (são mais de cem artigos). Ele avisou que o desmonte estava começando e em troca alguns apareceram com pauladas, calúnias, afrontas; mas o CV insistiu e permaneceu firme enquanto orava por nós; sim, por cada um de nós retirantes… e hoje nos unimos a ele porque agora esta luta também passou a ser nossa luta.

 

Olha, amado: esse é o som do tambor… e quer queiram, quer não, esse som chega a distâncias que nem imagino… Chegou no meu coração.

 

Graça e Paz

 

Postagem de Firme nas promessas em 06/07/2012 as 0:11 no artigo “muita coisa está errada nesta igreja” em resposta à postagem de Alexandre Teixeira (em 05/07/2012 as 12:03).

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS