A BANDA PODRE

Amados irmãos em Cristo Jesus,

Outro dia, lendo um comentário do CV, onde ele usava esta expressão “banda podre”, me lembrei da minha infância lá no interiorzão do Goiás. Lá na roça.

É que naquele tempo (não tão distante, diga-se de passagem), às vezes eu via uma goiaba grande e bonita; mas que ficava lá nas grimpas, lugar de difícil aceso. Para quem não conhece esse termo grimpas, no goianês, significa nas copas ou nos galhos mais altos das árvores.

Pois bem, quando encontrava uma fruta dessas, logicamente eu a desejava e aí, começava a saga para subir na árvore e apanhá-la.

       Imaginem os irmãos que eu já não conseguia andar direito que dirá subir em árvore. Mas, como nunca fui de olhar os obstáculos, lá ia eu. Subia um galho, pegava a perna com a mão e a colocava ali naquele galho e ia repetindo a manobra até chegar na tal de grimpas onde estava a goiaba.

Isso podia demorar até horas de esforço… mas quando eu chegava lá em cima muitas vezes era recompensada com uma fruta deliciosa, madura, doce que me recompunha as forças, mas… nem sempre era isso que eu encontrava. Algumas vezes, era só uma ilusão de quem olhava lá de baixo e só via o lado bonito e saudável da fruta e nem imaginava que a outra banda era comida e cheia de bichos.

Que decepção!

Bem, com o desejo saciado ou não, a saga da descida era mais penosa. Eu ficava ali um tempão esperando que passasse alguém para me ajudar, pois tinha um medo enorme de descer. Como quase sempre não aparecia alguém eu tinha que enfrentar a descida sozinha, e muitas vezes, despencava de lá e me machucava muito. Coisas de criança que teve pólio.

Mas e daí? O que isso tem a ver com o termo “banda podre” que o CV usa para descrever a SOC – Sofisticada Organização Criminosa com o seu VPC – Vértice da Pirâmide do Crime?

É que quando eu conheci a ICM, a casinha de tijolinhos com púlpito enfeitado de flores naturais, homens bem vestidos e barbeados, grupos formados em seus devidos lugares, crianças educadas nos primeiros bancos, culto rápido e objetivo no padrão proposto e tudo o mais que esta seita usa para nos fisgar, eu jamais pensava que haveria uma BANDA PODRE como aquela que encontrava nas goiabas que eu via lá nas grimpas das goiabeiras.

Eu olhava tudo e me achava indigna de tanta perfeição e lutava com todas as forças para alcançar as grimpas da goiabeira Obra. Enfrentei todo tipo de dificuldades para alcançar aquela fruta aparentemente perfeita. Coisas de crente que teve pólio.

E assim, como na infância em que debaixo da árvore eu olhava as goiabas lá em cima e não via a outra banda, aconteceu com a ICM-PES, ou seja, só conheci a banda que parecia aprazível aos olhos mas inservível para comer. Quando custosamente cheguei nas grimpas e examinei de perto, vi que havia sido enganada com a aparência de apenas uma das bandas que escondia a outra que era podre, comida e cheia de bichos vivos.

É interessante que o VPC – Vértice de Pirâmide do Crime sempre gritava dos púlpitos dizendo: Quem sair desta Obra vai ser comido de bichos!

Eu não entendia porque ele falava tanto em bichos. Agora é que vejo que ele estava no vértice na banda podre com os bichos, como a Bíblia diz (Mt.12:34):

“…Pois do que há em abundância no coração,

disso fala a boca.”

Se ele fala tanto em bichos é porque é disso que está cheio não só o coração mas toda a mente e corpo, e então, deseja isso para os retirantes que eram parte da banda saudável e, diga-se de passagem, continuam saudáveis em Cristo Jesus.

Meus irmãos, para descer das grimpas da Obra maravilhosa, como conseguir? Eu fiquei anos, meses, semanas, dias… não tinha forças… a prisão é cercada de grades de ferro frio e forte… e os feitores insistem em drogar os prisioneiros com profetadas, revelagens e promessas de Obra maravilhosa…

Não é fácil descer e eu senti o mesmo medo de que sentia ao ter que descer das grimpas das goiabeiras quando era criança.

Mas o bom foi que passou alguém debaixo daquela árvore para me ajudar a descer!

E o Homem de Deus disse:

– Saia de lá hoje mesmo!

Como esquecer esta frase? Foi marcante.

Me lembrou Jesus ao dizer a Zaqueu (Lc.19:5):

“Zaqueu, desce depressa,

porque,

hoje,

me convém pousar em sua casa.”

Deus usou o Homem de Deus (CV) para me dizer que descesse daquela árvore má, pois Jesus queria pousar em minha casa, queria ser o Único em minha vida… mas aquela banda podre impedia.

Como é bom ouvir a voz de Jesus!

Ainda hoje Deus usa Homens de Deus para falar a você ainda preso à esta seita: Saia de lá hoje mesmo!

Saia dessas heresias, mentiras, profetadas e idolatria que essa banda podre criou para te enganar.

Hoje muitos irmãos e irmãs se juntaram a este Blog Ministério para anunciar que esta Obra foi criada e é dominada por uma banda podre, muito podre e é ela quem determina tudo o que você deve seguir dentro da ideologia podre: Obra como forma de vida.

Quem comeria goiaba com banda podre e cheia de bichos?

Tenham um fim de semana de paz.

A paz do Senhor Jesus.

Eurípia Inês.

 Enviado em 01/06/2013 as 10:18

Meia verdade é uma mentira inteira

.

.

A banda podre do PRD – palácio da rainha desfigurada – conseguiu lançar a palavra maranata nas sarjetas.

A dinheirama das ofertas voluntárias do mês de outubro de 1986 foi parar em contas bancárias de: Altair Cabral, Antônio Carlos Peixoto, Élcio Conrado Ramos, Gerson Beluci Miguel, José Robson de Santana Baeta, Mauro Teixeira Nunes e Otávio Oliveira de Souza; mas o coletado na Grande Vitória foi entregue – em mãos – na sede do Presbitério.

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2013/08/coisas-da-banda-podre/

A pergunta que não quer calar é esta: JUDAS, CADÊ O DINHEIRO?

Sei e bem certo estou de que homens honestos e mulheres sinceras não compactuam com as iniquidades do gedeltismo. No entanto, apesar de desejarem não conseguem mudanças no rumo da ICM-PES encurralada em um beco sem saída e poço de iniquidades.

CV – “O SENHOR é minha bandeira.”

NOTAS

Acompanhe em https://www.facebook.com/CavaleiroVeloz

Aqui não é lugar para calúnias e difamações. Discutimos doutrinas e ideias.

Atualização em 04.05.2014 às 09:00

Cite a fonte caso faça cópia ou transcrição dos textos publicados neste Blog. Este artigo http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/a-banda-podre/

Em nome da ética democrática, que a data original e origem da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

Escrever em CAIXA ALTA (letras maiúsculas) é deselegante. Evitem.

Evitem postagens fora do FOCO do artigo.

Imagens colocadas no artigo como ilustração fora retiradas da Internet (Google) e também dos textos aqui postados, presumindo serem de domínio público. No caso que haja alguma imagem sem os créditos devidos não foi intencional; e, deste modo agradeceria em nos avisar que colocaremos os créditos.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS