Conclusões nascem da consciência.

 

  A base da consciência confusa e errada é a enganação.

 A consciência confusa e errada gera conclusão confusa e errada. Neste campo da enganação a linguagem do não-pensamento   abre janelas da imaginação e o falso profetismo rompe.

 A insistência dos artigos do Blog, corroborada em centenas de postagens seguras, DENUNCIA a doutrina revelada ensinada nos seminários nos Maanain’s, cuja função especial é formatar icemistas manipuláveis e obedientes ao gedeltismo implantado na ICM-PES. Este eclesiasticismo está fundamentado em meias verdades, profetadas e teologismo.

 Aparecem os defensores da ICM-OBRA-IGREJA FIEL caluniando, difamando e injuriando o autor dos artigos, especialmente. E o que denunciamos? FRAUDES E HERESIAS.

 Ao leitor médio a compreensão é de que falta inteligência e respaldo nas postagens dos formatados, invariavelmente presos ao sistema.

 Alegam com ares infantis: a obra é revelada e veio da eternidade; não devemos julgar os homens. Enquanto isso caminham em derredor de erro maior: porque a doutrina é a palavra revelada além da letra; ou ainda ingressam em uma área de culpa pecaminosa: criticar o clamor pelo sangue de Jesus é pecado de blasfêmia contra o Espírito Santo. Heresias de Gedelti, o mestre das cortinas de fumaça, jogos de malabares e meias verdades, afastado do palácio da rainha desfigurada por ORDEM DA JUSTIÇA.

Aquele bisonho que continua debaixo desta formatação ideológica introjetada facilmente repete os erros e se diz: servo da Obra.

 A consciência confusa e errada do emissário do palácio pronunciou mais um capítulo de teologismo e o falso profeta confirmou na base de ossorrevelô. E assim temos: consciência errada (no que ensina), ensino errado e falso dom reafirmando o que foi ensinado. Erros em cima de erros. Mas os formatados fincam pé no que foi exposto como sendo revelação que veio da eternidade, porque nesta Obra o homem não fala e tudo é feito por revelação. Consciência errada, opinião errada.

 A linguagem do não-pensamento abre o campo do falso profetismo, vale dizer: assim que algum emissário do palácio da rainha desfigurada conclui a lenga-lenga chamada de palavra revelada em uma das aulas nos Seminários da Obra, imediatamente algum meia-sola remendado sustenta o erro ensinado. E com que recurso? Com o recurso da profetada!

Enquanto Diabo balança o rabo na boca dos falsos profetas e dos maus pastores, cresce o fanatismo instigado pelo ódio religioso em defesa da Obra como forma de vida. O consenso geral diz que aquilo que ossorrevela pela boca do chefe de todos, constitui a expressão exata do interesse da Obra como forma de vida e passa a fazer parte do Corpo.

Então, formatado icemista não consegue existir sem os comandos do Cabeça do Corpo. Este é o maligno poder falsa unção. Isto é perigoso e clama pela intervenção do Ministério Público.

 Não duvidem: o poder camaleônico  existe, causa pânico e instiga o ódio religioso entre os maranatas presos em doutrina revelada construída com o olhar caolho de um falso mestre que detém o poder religioso nunca transparente!

Não tenho outro modo de perguntar: o ensino da Maranata está de acordo com as Escrituras?

NÃO E NÃO!

Onde nasce a “boa consciência”?

O amado apóstolo Paulo diz que a “boa consciência” nasce da obediência às Escrituras (1 Tm. 1.19):

“porquanto alguns,

tendo rejeitado a boa consciência,

vieram a naufragar na fé”.

 

NOTAS

Acompanhe em https://www.facebook.com/CavaleiroVeloz

Aqui não é lugar para calúnias e difamações. Discutimos doutrinas e ideias.

Caso faça cópia de parte e/ou todo cite http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/3387-2/

Em nome da ética democrática, que a data original e origem da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

Escrever em CAIXA ALTA (letras maiúsculas) é deselegante. Evitem.

Evitem postagens fora do FOCO do artigo.

Imagens colocadas nos artigos como ilustração foram retiradas da Internet (Google) e também dos textos aqui postados, presumindo serem de domínio público. No caso que haja alguma imagem sem os créditos devidos não foi intencional; e, deste modo agradeceria em nos avisar que colocaremos os créditos.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS